sexta-feira, outubro 15, 2021
No menu items!
Início Imigração Política de tolerância zero chega aos formulários do serviço de imigração

Política de tolerância zero chega aos formulários do serviço de imigração

A política de ‘tolerância zero’ não é aplicada apenas na fronteira para impedir a imigração indocumentada ou para perseguir os imigrantes que estão dentro do país. Também é implementada nos escritórios do serviço de imigração e visa especificamente os formulários que são usados ​​para solicitar benefícios.

“De forma exagerada, eles agora estão rejeitando mais procedimentos do que antes. Não sabemos por que isso é devido, mas um simples espaço em branco, é suficiente para o USCIS (Gabinete de Serviços de Cidadania e Imigração) rejeitar a petição”, diz a advogada de imigração Lilia Velásquez, que atua em San Diego (Califórnia).
 
“Muitos casos estão voltando por esse motivo”, acrescenta. “Antes, o critério era que, se a pergunta não fosse para o imigrante, então aquele espaço ficava em branco. Mas agora, você tem que colocar “não se aplica”, porque se não fizer, eles devolvem o processo e levará mais tempo para a sua conclusão”.

Velásquez, que é professora da faculdade de direito da Universidade da Califórnia, indicou que as rejeições “não são passíveis de recurso, são uma perda de tempo” e que em certos casos os atrasos “podem afetar até o pedido de green card”.

“O outro problema é a maneira como o USCIS bagunça o processo. O arquivo é devolvido com uma folha onde se diz que foi rejeitado porque algumas das caixas não foram preenchidas, mas não diz qual ou onde. Então, a pessoa se desespera e se pergunta onde colocar “não se aplica”. É uma situação muito estressante”, comentou a advogada.

Para evitar tais situações, ela recomenda que, antes de enviar um formulário ao USCIS, “leia atentamente as instruções. Cada forma tem suas próprias regras, algumas são muito específicas. Não deixe espaços vazios, porque se o fizer, eles vão te mandar o arquivo de volta e você terá que começar tudo de novo”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

POPULARES