domingo, outubro 24, 2021
No menu items!
Início Estados Unidos Número de empregos criados nos EUA, em fevereiro, supera expectativas

Número de empregos criados nos EUA, em fevereiro, supera expectativas

Os Estados Unidos criaram 379 mil empregos em fevereiro, superando as estimativas dos economistas, de 210 mil, e apontando uma melhora no mercado de trabalho desde o início da crise causada pela pandemia do coronavírus.

No primeiro relatório mensal de emprego sob a presidência de Joe Biden, a taxa de desemprego caiu para 6,2%, ante 6,3% em janeiro, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira pelo Bureau of Labor Statistics.

O total de empregos de fevereiro marca uma recuperação em relação aos 166 mil empregos que foram recuperados em janeiro e após a perda de 306 mil, em dezembro. No entanto, representa apenas uma fração dos cerca de 10 milhões de empregos perdidos com a crise causada pela pandemia, no ano passado, quando havia cerca de 5,7 milhões de pessoas sem trabalho, segundo dados do governo dos Estados Unidos.

O setor de saúde e assistência social criou 46 mil empregos e 41 mil pelas empresas de varejo. Esses números foram parcialmente compensados ​​pela perda de empregos registrada por lojas de roupas e acessórios, que deixaram 20 mil pessoas desempregadas.

“O mercado de trabalho continuou refletindo o impacto da pandemia do coronavírus. Em fevereiro, a maior parte dos ganhos trabalhistas ocorreu em lazer e hospitalidade, e mais empregos também foram registrados, em menor escala, em serviços de ajuda temporária, assistência médica e previdência, varejo e fabricação de bens”, disse o BLS em um comunicado.

A taxa de desemprego, que passou de 3,5% em fevereiro do ano passado para 14,7%, em abril, quando teve maior impacto da pandemia, vem diminuindo a cada mês. Desde então e nos últimos três meses do ano, manteve-se em números próximos a 7%, o que indica estagnação do mercado de trabalho.

Um dado que alarma os economistas é o percentual de desempregados de longa duração, ou seja, pessoas sem trabalho há 27 semanas ou mais. Esses trabalhadores, que somam cerca de 4 milhões, agora representam cerca de dois em cada cinco desempregados nos Estados Unidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

POPULARES