domingo, outubro 24, 2021
No menu items!
Início Estados Unidos Nova rodada de U$ 1,2 mil entra em plano apresentado por grupo...

Nova rodada de U$ 1,2 mil entra em plano apresentado por grupo bipartidário, no Congresso

Um grupo bipartidário de parlamentares apresentou nesta terça-feira um novo plano de estímulo econômico de U$ 1,5 trilhão, em face da pandemia do coronavírus, incluindo uma nova rodada de cheques de U$ 1,2 mil. A negociação avança depois que a Casa Branca e o Partido Democrata ainda não chegaram a um acordo após mais de um mês de discussões.

Os 50 membros republicanos e democratas da Câmara dos Deputados, que se autodenominam “Problem Solvers Caucus (ou Grupo de Solucionadores)”, têm trabalhado nesta proposta econômica nas últimas seis semanas.

O plano, apelidado de “Marcha em direção ao terreno comum”, inclui uma nova rodada de cheques de U$ 1.200 para as famílias; e U$ 500 bilhões para governos estaduais e locais para benefícios semanais de desemprego, assistência para pequenas empresas e aluguel.

Se aprovada, a medida se estenderá além da data de início do novo mandato presidencial em janeiro.

O primeiro plano de ajuda federal aprovado em março estabeleceu um subsídio semanal de U$ 600 para os milhões de americanos que perderam seus empregos devido ao coronavírus. Essa ajuda acabou em julho passado. A proposta democrata inclui um benefício no mesmo valor, enquanto os republicanos queriam cortá-lo pela metade.

Na nova proposta, o grupo bipartidário define o pagamento de U$ 450 adicionais por oito semanas, podendo aumentar para um máximo de U$ 600 por cinco semanas.
 

“Informamos a Casa Branca de nossas negociações, temos uma política de não dar surpresas. Eles querem um acordo, reconhecem que o trabalho não está concluído, querem retomar as negociações”, disse o deputado republicano Tom Reed.

“Não se trata de ser republicano ou democrata. Trabalhamos nas últimas semanas e dissemos: vamos colocar os americanos em primeiro lugar, vamos mostrar a eles que o Congresso pode fazer o trabalho”, acrescentou o deputado.

As negociações entre a Casa Branca e o Partido Democrata não chegaram a um acordo antes do recesso de verão. Os senadores republicanos também fracassaram há uma semana ao não conseguir os votos necessários para aprovar outra proposta menor, avaliada em U$ 500 bilhões.
 
A presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, anunciou que permanecerá em sessão até que ambas as partes cheguem a um acordo sobre a ajuda econômica emergencial em face da pandemia.
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

POPULARES