sexta-feira, outubro 15, 2021
No menu items!
Início Imigração Líder no Senado confia em alcançar votos para legalização de ‘Dreamers’

Líder no Senado confia em alcançar votos para legalização de ‘Dreamers’

O líder da maioria no Senado, o democrata Dick Durbin, disse no domingo que acredita estar “perto” de garantir os votos republicanos necessários para superar uma obstrução e, assim, aprovar a legalização dos “Dreamers” – beneficiários do DACA. 

“Fui impedido pela obstrução cinco vezes antes de ser aprovado. Tive a maioria, não tive 60 votos. Tenho 60 agora? Acho que estou perto”, afirmou o democrata de Illinois ao programa “State of the Union”, da Rede CNN.

Durbin, o segundo democrata do Senado, disse que planeja se sentar com os membros republicanos e perguntar se eles considerariam apoiar o “DREAM ACT”, que permitiria aos jovens imigrantes sem documentos conhecidos como “Dreamers” a obter residência permanente – e potencialmente cidadania.

Durbin disse anteriormente à CNN que não acredita que haja apoio suficiente neste Congresso para aprovar um projeto de lei de imigração abrangente que reformularia o sistema de imigração dos EUA e forneceria cidadania para os 11 milhões de imigrantes indocumentados do país.

Durbin declarou que apoia o plano de imigração do presidente Joe Biden, o Ato de Cidadania de 2021, mas reiterou sua crença de que seria difícil aprovar na divisão partidária 50-50 do Senado.

Os comentários de Durbin foram feitos no momento em que o governo Biden está enfrentando um escrutínio cada vez maior sobre como está lidando com um recente aumento nas travessias ilegais de fronteira, incluindo um influxo de crianças migrantes desacompanhadas.

O secretário de Segurança Interna, Alejandro Mayorkas, disse no mesmo programa no domingo que a fronteira sul está atualmente fechada para migrantes, mas que o governo “não abandonará as necessidades das crianças vulneráveis”.

A Câmara aprovou esta semana dois projetos de lei de imigração separados com o objetivo de dar aos beneficiários do DACA um caminho para a cidadania e para expandir o programa de trabalhadores agrícolas do país. Essas duas medidas bipartidárias, no entanto, enfrentam uma ascensão no Senado, que está renovando o debate entre os democratas sobre abolir a obstrução do Senado.

Durbin está aberto a reduzir o limite para quebrar uma obstrução e disse na CNN que deseja que seus colegas do Senado “provem, sob as regras atuais, com a obstrução exigindo 60 votos, que podemos realmente produzir algo”.

“É um desafio para meus colegas, fazer funcionar. No momento, sabemos que a exigência de 60 votos pode impedir o Senado de atividades significativas”, completou.  

Biden disse à ABC News que apoiaria a mudança da regra de obstrução do Senado, trazendo de volta a obstrução oral, que exige que um senador que busca bloquear a legislação fique no plenário e argumente.

Embora esta ainda exija 60 votos para encerrar o debate sobre um projeto de lei, ela interromperia todos as pautas do plenário do Senado até que a obstrução acabasse.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

POPULARES